ACOPIARA > CE . Homem é preso por falsificação de documentos

28/03/2020 > SÁBADO
Uma equipe do Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) de Acopiara, prendeu em flagrante na noite de ontem (27), na zona rural do município um homem de 20 anos, que estava com vários documentos falsificados.
Segundo informações, o homem foi preso em sua residencia na Vila Escuro. O policiamento chegou até o indivíduo após denuncias anônimas feitas através do Disk Denuncias do Raio, (88 9721-2347).
No interior da casa foi apreendido um vasto número de documentos falsificados como, CPFs, Títulos de Eleitor, documentos de Previdência, Carteiras de Trabalho, Cartões de Credito, Certidões de Nascimento e fotos 3×4.
Maioria dos documentos estava no nome de pessoas idosas. O suspeito confessou o crime e foi conduzido a Delegacia e autuado no Art. 297, que trata do crime de falsificação de documentos. A Policia Civil vai investigar possível participação do homem em crime de estelionato contra aposentados na cidade de Acopiara.
AcopiaraNews

Casos de coronavírus chegam a 282 em 13 dias no Ceará; não há registro de mais mortes

O Ceará tem 282 casos confirmados de coronavírus, conforme informado pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) nesta sexta-feira (27). O Estado também já registrou oficialmente três mortes em decorrência da Covid-19. Mas, nas últimas 24 horas não houve óbitos. Dentre os casos confirmados da doença, Fortaleza concentra 268 pessoas com coronavírus.
Os demais pacientes contaminados são dos municípios de Aquiraz (6), Fortim (1), Sobral (4), Juazeiro do Norte (1), Mauriti (1) e Maranguape (1). No boletim desta quinta-feira (26), a Sesa chegou a noticiar um caso em Groaíras. A informação estava errada e foi corrigida no boletim desta sexta.
Outras duas pessoas, moradoras de São Paulo e Uberlândia (MG), também tiveram a doença confirmada quando estavam no Ceará. Até quinta-feira (26) elas eram contabilizadas no informe epidemiológico do Ceará, mas pasaram a ser citadas nos boletins dos seus estados de origem.
Óbitos
No Ceará, os óbitos por coronavírus ocorreram de 4 a 11 dias após primeiros sintomas, de acordo com informações da Sesa. As vítimas foram duas mulheres, de 84 e 85 anos, e um homem de 74 anos. Os três tinham doenças crônicas pré-existentes e moravam em Fortaleza.

Busca por vacina contra novo coronavírus enfrenta obstáculos

Da falta de ratos de laboratório à disputa acirrada entre países para descobrir a imunização, a corrida científica para prevenir a Covid-19 deve demorar meses.
***************************************************
Cientistas do mundo inteiro lutam para encontrar um tratamento ou uma vacina contra o novo coronavírus, que infectou mais de meio milhão de pessoas com um saldo crescente de mais de 23 mil mortes no planeta, até ontem. O caminho para desenvolver meios de imunização é, no entanto, demorado (não menos de um ano), desperta rivalidades entre laboratórios multinacionais e enfrenta obstáculos.
Exemplo: os cientistas procuram ratos de laboratório e nem todos servem. Devem ser roedores transgênicos, atualmente em escassez.
"Os ratos de laboratório habituais não podem ser utilizados para estudar o Sars-CoV-2 (nome técnico do vírus que causa a doença Covid-19)", explica Christophe D'Enfert, diretor científico do prestigioso Instituto Pasteur de Paris.
Eles não possuem um receptor sensível ao coronavírus, o que permite a este penetrar nas células: portanto "não somos capazes de infectar estes ratos de maneira eficaz", acrescenta D'Enfert.
Por este motivo são necessários ratos especiais, chamados ACE2, geneticamente modificados e fornecidos por empresas especializadas, que neste momento enfrentam uma demanda extremamente elevada. Este tipo de roedor foi utilizado para estudar a Sars, que afetou a Ásia entre 2002 e 2003, mas uma vez superada a epidemia "ninguém se interessou mais por eles" e os laboratórios deixaram de ter estes animais, segundo D'Enfert.
"Fizemos um pedido e vamos recebê-los, mas vai demorar um tempo", completa. "São necessárias três semanas de gestação e três meses para contar com uma geração", ou seja, com ratos capazes de se reproduzir, observa.
Fertilização in vitro
Com sede nos EUA, o Jackson Laboratory é um grande fornecedor de K18-hACE2 - seu nome completo - e está acelerando a produção para suprir a demanda dos super-ratos. As demandas procedem de laboratórios e organizações de todo o mundo há várias semanas. Geneticamente modificados para poder contrair o coronavírus, os ratos "reproduzem as complicações respiratórias provocadas pela infecção, o que significa que representam um bom modelo para (estudar) a doença", segundo Cathleen Lutz, diretora da área de "Ratos" do Jackson Laboratory. Estarão, portanto, destinados "a testar os (possíveis) tratamentos e vacinas", completa Lutz.
Para acelerar a produção, o Jackson Laboratory recorre à fertilização in vitro, ao invés da reprodução tradicional: o esperma de apenas um macho permite fecundar centenas de ovócitos, que depois são transferidos aos embriões das fêmeas para gestação.
A empresa espera fazer as primeiras expedições limitadas "no início de maio", antes de uma entrega mais ampla "algumas semanas depois".
Novos modelos
A boa notícia é que estes prazos não impedem o trabalho dos cientistas sobre o novo coronavírus, afirma D'Enfert.
"Desacelera um pouco a investigação, mas não nos impede de avançar", explica. É possível, por exemplo, testar uma vacina em um rato normal e ver se produz anticorpos eficazes, explica o cientista.
Sua equipe tenta desenvolver os próprios ratos modificados e examina se alguns roedores disponíveis no Instituto Pasteur não teriam, por caso, genes sensíveis ao Sars-CoV-2.

Coronavírus: Em reunião com empresários, Camilo diz que volta ao trabalho será definida até domingo

O governador Camilo Santana só deve definir se o decreto de emergência que obriga alguns negócios a suspenderem as atividades e as pessoas ao isolamento social no fim de semana. Domingo é o último dia de validade do decreto, o qual tem incomodado representantes do setor produtivo local, que defendem o retorno das atividades.
A informação foi confirmada pelo presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), Ricardo Cavalcante, em vídeo endereçados aos filiados da Fiec.
O presidente da Fiec contou ainda que a decisão deve ser tomada após reunião do governador com o comitê que gere as operações relacionadas ao novo coronavírus.
"Entre amanhã e domingo, teremos todas essas decisões", afirmou o industrial, acrescentando que a reunião foi de "um diálogo franco, aberto e com muito equilíbrio".
Pleitos
Desde o começo da semana representantes da Indústria, do Comércio e Construção Civil endereçam ofícios e cartas ao governador para que o decreto não seja prorrogado. 
A possibilidade de extensão do prazo por mais 15 dias, que incomoda o setor produtivo, já foi levantada em decreto no qual Camilo Santana concendeu alguns benefícios fiscais, com extensão de prazos e suspensão de procedimentos.
Na quinta-feira (26), o governador se manifestou no Twitter, afirmando que não agiria "mediante pressão de setor A ou B".
DN

Na contramão de Bolsonaro, Moro endurece medidas de isolamento

Ministro da Justiça decide prorrogar o fechamento de fronteiras terrestres por mais 15 dias e proíbe ingresso de estrangeiros por via aérea no País.
_______________________________________
Apesar das pressões para um retorno à normalidade das atividades, o Governo Bolsonaro tomou, ontem, medidas indicando uma direção oposta. O ministro Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública) decidiu prorrogar o fechamento das fronteiras terrestres, por mais 15 dias, e proibiu a entrada, por via aérea, de estrangeiros de todas as nacionalidades no País, por um prazo de 30 dias.
Por sua vez, a Justiça Federal proibiu, ontem, o Governo Federal de adotar medidas contrárias ao isolamento social como forma de prevenção da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.
Também suspendeu a validade de dois decretos editados pelo presidente Jair Bolsonaro que classificaram igrejas e casas lotéricas como serviços essenciais, o que permitia seu funcionamento mesmo com proibições de aglomerações em estados e municípios. A medida tem efeito imediato e vale para todo o Brasil.
DN

Câmara dos EUA aprova pacote de US$ 2,2 tri contra coronavírus

A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos aprovou nesta sexta-feira (27) um pacote de ajuda de US$ 2,2 trilhões - o maior da história norte-americana - para ajudar indivíduos e empresas a lidar com a crise econômica causada pelo surto de coronavírus e fornecer aos hospitais com necessidade urgente de suprimentos médicos.
O enorme projeto de lei - também aprovado pelo Senado, de maioria republicana, na noite de quarta-feira (25) - agora vai para a sanção do presidente republicano Donald Trump.
Democratas e republicanos na Câmara, liderada pelos democratas, aprovaram o pacote por voto em áudio, revertendo um desafio processual do representante republicano Thomas Massie, que havia tentado forçar uma votação formal e gravada.
Massie, um republicano independente que desafia repetidamente líderes do partido, disse no Twitter que achava que o projeto continha muitos gastos estranhos e dava muito poder ao Federal Reserve. Ele não falou no plenário da Câmara durante o debate de três horas.
Trump disse no Twitter que Massie deveria ser expulso do Partido Republicano. "Ele só quer publicidade. Ele não pode impedir, apenas adiar", escreveu ele.
Outra autoridade afirmou que Massie estava colocando em risco a saúde dos parlamentares.
Pelo menos três membros do Congresso testaram positivo para o coronavírus e mais de duas dúzias fizeram uma autoquarentena para limitar sua propagação.
O pacote de resgate - a maior medida de alívio fiscal já aprovada pelo Congresso - vai acelerar os pagamentos diretos aos norte-americanos dentro de três semanas se Trump sancioná-lo.
A medida de 2,2 trilhões de dólares inclui 500 bilhões de dólares para ajudar indústrias afetadas e 290 bilhões de dólares para pagamentos de até 3 mil dólares a milhões de famílias.
Também fornecerá 350 bilhões de dólares em empréstimos a pequenas empresas, 250 bilhões de dólares para aumento do auxílio-desemprego e pelo menos 100 bilhões de dólares para hospitais e sistemas relacionados à saúde.
Publicado em 27/03/2020 - 15:11 Por David Morgan e Susan Cornwell - Reuters - Washington
Atualizado em 27/03/2020 - 15:51

Senado votará na segunda auxílio de R$ 600 para trabalhadores


Congresso Nacional

O Senado votará na próxima segunda-feira (30) o pagamento de um auxílio emergencial por três meses, no valor de R$ 600, destinado aos trabalhadores autônomos, informais e sem renda fixa. O presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), confirmou a votação para o início da próxima semana em postagem no Twitter.
Diante da importância e necessidade do repasse de R$ 600 a R$ 1.200, por 3 meses, aos trabalhadores autônomos, o @SenadoFederal cumprirá o seu papel em nome do povo brasileiro e votará o projeto na próxima segunda-feira (30), por meio da votação a distância.
2,735 people are talking about this
Alcolumbre está se recuperando após ser diagnosticado com o novo coronavírus. Quem tem presidido as sessões remotas é o vice-presidente, senador Antonio Anastasia (PSD-MG). A sessão está prevista para ocorrer às 16h. Horas antes, pela manhã, os líderes se reunirão, também remotamente, para discutir outras votações prioritárias da semana.
Pelas manifestações de senadores nas redes sociais, a expectativa é que a medida seja aprovada sem objeções. O vice-líder do governo, senador Chico Rodrigues (DEM-RR), e o líder da minoria, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), se manifestaram favoráveis à votação e sua aprovação. Além deles, a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) e os senadores Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) e Esperidião Amin (PP-SC) também se manifestaram favoráveis.
O auxílio, que foi aprovado na Câmara dos Deputados ontem (26), é voltado aos trabalhadores informais (sem carteira assinada), às pessoas sem assistência social e à população que desistiu de procurar emprego. A medida é uma forma de amparar as camadas mais vulneráveis à crise econômica causada pela disseminação da covid-19 no Brasil e o auxílio será distribuído por meio de vouchers (cupons).
Edição: Fábio Massalli
Agência Brasil



Estado de São Paulo registra 10 mortes por coronavírus em 24 horas


Um pesquisador do Instituto de Biologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) trabalha para desenvolver um novo teste para detectar infecções por coronavírus

O estado de São Paulo registrou nas últimas 24 horas mais dez mortes relacionas ao novo coronavírus, segundo informações do governo do estado. O número significa que a doença mata, em média, uma pessoa a cada duas horas e vinte minutos. Os dados, divulgados hoje (27), são da Secretaria da Saúde do estado.
No total, já são contabilizados 68 óbitos no estado em decorrência da infecção do coronavírus. No último dia 23, o total de mortes era de 30 – o que mostra que o número de óbitos mais do que dobrou em quatro dias no estado.
Das dez mortes contabilizadas hoje, quatro são homens, de 66, 67, 91 e 93 anos; e seis, mulheres (63, 63, 65, 77, 85 e 89 anos). Nove vítimas são da capital paulista e uma, do município de Guarulhos (SP).
Segundo a Secretaria da Saúde, no estado há 1.223 casos confirmados da doença.
Edição: Nádia Franco/Juliana Andrade
Agência Brasil

Distrito Federal registra primeira morte pelo novo coronavírus


Ação de desinfecção na Central do Brasil por militares das Forças Armadas que apoiam a Prefeitura no combate ao Coronavírus - Covid-19.

O Governo do Distrito Federal (GDF) confirmou a primeira morte pelo novo coronavírus no DF. A vítima, um homem de 46 anos, morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Sobradinho. Ele tinha hipertensão e diabetes.
Segundo o governo, 242 pessoas estão contaminadas com o covid-19 no Distrito Federal. Dessas, 31 estão enquadradas em risco médio de complicações, considerando a idade (51 a 59 anos), e outras 27, com 60 anos ou mais, são tratadas como risco alto. Ainda de acordo com o governo local, nove pacientes estão com infecções graves e outras 9 com infecções críticas.
As outras 183 pessoas são consideradas de risco baixo. Adultos entre 31 e 40 anos são os mais contaminados no DF; 79 pessoas até agora.
Brasil
Nacionalmente, o número de mortes chegou a 92, com 3,4 mil casos confirmados. A taxa de letalidade chegou ao máximo da semana, ficando em 2,7%. Os números diários do Ministério da Saúde, no entanto, tendem a desatualizar muito rápido, uma vez que a pasta recebe as informações das secretarias estaduais e só então divulga os dados nacionais para a imprensa. Enquanto isso, as próprias secretarias também divulgam seus dados cada uma a seu tempo.
Edição: Aline Leal
Agência Brasil

Coronavírus: Brasil tem 92 mortes e 3,4 mil casos confirmados


O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, e o secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, divulgam dados atualizados sobre a situação do novo Coronavírus no país.

28/03/2020> SÁBADO
Em nova atualização do Ministério da Saúde sobre coronavírus, o número de mortes chegou a 92, contra 77 registradas ontem(26). O resultado significa um aumento de 18% em relação a ontem. Em comparação com o início da semana, quando eram 25 óbitos, o número multiplicou por 3,68 vezes. 
A taxa de letalidade chegou ao máximo da semana, ficando em 2,7%. 
O total de casos confirmados saiu de 2.915 para 3.417 ontem (27). O resultado marcou um aumento de 80% nos casos em relação ao início da semana, quando foram contabilizadas 1.891 pessoas infectadas.
O número de casos novos foi de 502, atingindo o número mais alto da série histórica. Ontem, o acréscimo foi de 482. Nos dias anteriores, o aumento havia sido menor, ficando na casa entre 232 e 345 casos. 


ASSISTA NA ÍNTEGRA:

Bolsonaro é criticado em uma das mais relevantes revistas médicas do mundo

A revista britânica The Economist chamou Bolsonaro de “Bolsonero”, em evidente alusão ao imperador que pôs fogo em Roma, depois do pronunciamento em cadeia nacional na qual o presidente tratou, uma vez mais, a Covid-19 como uma “gripezinha”.
Agora, foi a prestigiada publicação médico-científica The Lancet quem aponta o dedo para Bolsonaro, em editorial. “O presidente do Brasil têm sido fortemente criticado pelos especialistas de saúde e enfrenta crescente reação público em decorrência de resposta considerada fraca contra a crise”, informa o texto.
A inclusão do nome de Bolsonaro em um semanário de circulação restrita a cientistas não haverá de mover mundos – mas certamente ilumina uma das facetas incômodas do líder brasileiro, a de ojeriza à ciência e ao conhecimento. Felizmente, o ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, finge que não vê e segue oferecendo informações corretas e precisas.
Fonte: Veja

Contas de luz terão bandeira verde em abril, sem cobrança extra, diz Aneel

As contas de luz terão bandeira verde em abril, sem taxa extra nas tarifas de energia, anunciou nesta sexta-feira (27) a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Em março, também vigorou a bandeira verde.
De acordo com a Aneel, ao longo do mês, as chuvas contribuíram para recuperar os níveis dos principais reservatórios de hidrelétricas do Sistema Interligado Nacional (SIN). A previsão, segundo a agência, é que as condições hidrológicas se mantenham favoráveis em abril, ainda que seja um mês em que se inicia a transição entre o período úmido e o seco.
A Aneel informou ainda que a definição da bandeira considerou as medidas de combate ao avanço da pandemia do novo coronavírus em todo o País. "Além disso, foram consideradas novas previsões de consumo de energia, em face das medidas de combate à propagação da pandemia da Covid-19 no País, com indicativo de redução da carga de energia em abril e maio", diz a nota.
Essa perspectiva, de acordo com a Aneel, se refletiu na redução do preço da energia no mercado de curto prazo (PLD) e dos custos relacionados ao risco hidrológico (GSF). O PLD e o GSF são as duas variáveis que determinam a cor da bandeira a ser acionada.
No sistema de bandeiras tarifárias, em vigor desde 2015, a cor verde não tem cobrança de taxa extra, indicando condições favoráveis de geração de energia no País.
Na bandeira amarela, a taxa extra é de R$ 1,343 a cada 100 kWh consumidos.
Já a bandeira vermelha pode ser acionada em um dos dois níveis cobrados, dependendo da quantidade de termelétricas acionadas. No primeiro nível, o adicional é de R$ 4,169 a cada 100 kWh. No segundo nível, a cobrança extra é de R$ 6,243 a cada 100 kWh.
As bandeiras tarifárias indicam o custo da energia gerada e possibilitam o uso consciente por parte dos consumidores. Antes do sistema, o custo da energia era repassado às tarifas no reajuste anual de cada empresa, com incidência da taxa básica de juros.
Fonte: Diário do Nordeste

ACOPIARA > CE > PLANTÃO REGISTRA ACHADO DE CADÁVER A MARGEM DA CE - 060!!!ENTRE ACOPIARA E IGUATU!!!

O plantão de polícia registrou no final da tarde de hoje (27) um achado de cadáver à margem da CE-060, próximo ao sítio Logradouro, entre Acopiara e Iguatu. 
Segundo informações, um homem identificado por Patrício Félix, pilotava uma motocicleta na hora que se acidentou.

Propaganda do Planalto pede fim de isolamento, e Bolsonaro posta vídeo de carreata anticonfinament

"Vá você e seus filhos pra rua"""
A defesa de uma política leniente com a propagação do novo coronavírus no país virou objeto de um vídeo de divulgação institucional da Presidência de Jair Bolsonaro. Nele, a volta ao trabalho é estimulada, contrariando orientações globais sobre o tema.
A peça foi distribuída, em forma de teste, para as redes bolsonaristas. Nela, categorias como a dos autônomos e mesmo a dos profissionais da saúde são mostradas como desejosas de voltar ao regime normal de trabalho. "O Brasil não pode parar", encerra cada trecho do vídeo, inclusive para os "brasileiros contaminados pelo coronavírus".
O primogênito do clã, o senador Flávio (RJ), foi o responsável por dar o chute inicial desta etapa da campanha #BrasilNaoPodeParar, em postagem no Facebook na noite de quinta (26). O filho presidencial é o pivô das investigações criminais acerca de relações entre milícias e a família Bolsonaro, além de um esquema de "rachadinha" em seu então gabinete na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.
A página da Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom), cujo chefe, Fabio Wajngarten, foi contaminado pelo patógeno, divulgou na quarta (25) a hashtag da campanha.

Deputados estaduais aprovam pacote de medidas de combate ao coronavírus no Ceará

A Assembleia Legislativa aprovou nesta sexta-feira (27), em sessão virtual, um pacote de projetos enviados pelo Governo do Estado que dispensa licitação para compra de insumos e equipamentos hospitalares; que “simplifica” editais para financiar apresentações artísticas pela internet e que isenta doadores do pagamento do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCD). 
As medidas foram enviadas ao longo desta semana pelo governo para enfrentamento ao coronavírus e vão valer somente enquanto a situação de emergência estiver decretada no Ceará. As propostas foram aprovadas em regime de urgência e seguem agora para sanção do governador Camilo Santana (PT). 
Do total de 46 deputados estaduais, 43 participaram da sessão virtual, a segunda realizada pela Assembleia Legislativa do Ceará, por conta do isolamento social decorrente do coronavírus. 
Uma das principais medidas aprovadas pelos deputados foi a dispensa de licitação para compra de materiais, equipamentos hospitalares e contratação de serviços para a Saúde do Estado durante o período de emergência. O projeto vai atender, principalmente, as demandas por respiradores e equipamentos de proteção individual (EPIs).
Neste caso, de acordo com o projeto, a autoridade competente pode dispensar a estimativa de preços. Os contratos terão prazo de seis meses, prorrogável por períodos sucessivos, enquanto durar a emergência.
O projeto autoriza que, enquanto tiver decretado estado de emergência, órgãos e entidades estaduais adquiram bens ou contratar serviços, também por dispensa de licitação, mesmo que não sejam destinados à saúde, mas que “se prestem ao atendimento de necessidades coletivas inadiáveis decorrentes da pandemia"”.
Quatro emendas - mudanças ao projeto – foram aprovadas ao projeto. Uma delas, de autoria dos deputados Elmano de Freitas (PT), Augusta Brito (PCdoB), Guilherme Landim (PDT) e Evandro Leitão (PDT), autoriza o Estado e os municípios a comprarem cestas básicas também sem necessidade de licitação. 
Segundo os parlamentares, as cestas básicas serão fornecidas às famílias em situação de vulnerabilidade social. “Garantir acesso a boa alimentação à população mais vulnerável é uma importante e imprescindível ferramenta para auxiliar na prevenção e no combate do Covid-19", justificam.
Cultura
O governo enviou ainda um projeto de lei complementar que “simplifica” editais da Secretaria de Cultura do Estado para financiar apresentações artísticas, como shows, transmitidos pelas redes sociais. Ao todo 400 projetos serão selecionados e cada um receberá, no máximo, R$ 2.500. A verba virá do Fundo Estadual de Cultura.
O governo justifica que o projeto tem o objetivo de dar maior celeridade à celebração de parcerias, “para amenizar o impacto social, cultural e econômico do novo coronavírus nas vidas da população cearense em geral”. 
Votaram contra essa proposta os deputados: André Fernandes (PSL), Delegado Cavalcante (PSL), Soldado Noélio (Pros) e Silvana Oliveira (PL).
Impostos
Outro projeto de lei aprovado pelos deputados isenta do pagamento do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCD) pessoas ou empresas que fizerem doações ao Estado de “bens, direitos e valores”, destinados ao combate do coronavírus no Ceará.
DN

Governo do Ceará libera R$ 200 milhões para comprar insumos e pede alinhamento nas decisões do Brasil



Na noite nesta quinta-feira (26), o Governo do Ceará liberou R$ 200 milhões em recursos para combater o coronavírus no Estado. O governador Camilo Santana utilizou suas redes sociais para listar também uma série de ações que sido feitas, como a ampliação dos número de leitos na Capital e no Interior, pediu um alinhamento de ações de combate ao vírus no Brasil, e adiantou que haverá uma reunião sobre a economia com o setor produtivo nesta sexta-feira (27).

Frente Nacional de Prefeitos pede respostas ao governo Bolsonaro sobre fim do isolamento social

A Frente Nacional de Prefeitos lançou uma carta endereçada ao presidente Bolsonaro, em resposta à campanha pelo fim do isolamento social e volta à rotina.
No documento, os prefeitos pedem respostas para uma série de perguntas sobre responsabilidades. O governo se responsabiliza pelas consequências? É o resumo da correspondência endereçada ao Palácio do Planalto. Veja o ofício:

ACOPIARA > CE > TEMPO CONTINUA INSTÁVEL

27/03/2020 > SEXTA-FEIRA
Depois de uma madrugada chuvosa, com 60 mm, o tempo continua instável, devendo chover a qualquer momento. Recebo informações via internautas que o açude do Monte Belo, deve sangrar ainda hoje, o riacho das cobras com muita água. Recebo outra informação do internauta Gilson, que na barragem que, já ultrapassou a marca velha, tem muito peixe tipo tilápia, nas águas que chegam ao reservatório de nossa cidade. 

Interior do Ceará conta com 93 leitos de UTI para pacientes da Covid-19



Ainda com poucos casos confirmados da Covid-19, o interior do Estado dispõe de, pelo menos, 384 leitos clínicos, sendo 93 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), para receber os pacientes em estado grave. 58 UTIs estão nos hospitais regionais do Cariri, Norte e Sertão Central, que são referência para 3,7 milhões de habitantes em 119 municípios cearenses. Este número, no entanto, pode ser maior. Demandada, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) não disponibilizou os dados gerais até o fechamento desta matéria.
Diante da curva ascendente de casos em todo o Estado, as unidades de saúde do interior estão se preparando para ampliar este quantitativo caso haja demanda. A readequação de prédios, o fim de cirurgias eletivas e a abertura de hospitais de campanha são algumas medidas a serem implantadas para ampliar o número de leitos. Questionada se o número de leitos no interior é adequado, a presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems), Sayonara Cidade, observou que "nenhum país está preparado para uma situação dessas".
No entanto, reconheceu o esforço empenhado pelas prefeituras e ressaltou que "tudo está sendo organizado para assistir as pessoas mais graves. Os casos leves são feitos com monitoramento domiciliar".
Ações

ACOPIARA > CE > MERCANTIL ALBUQUERQUE DESDE O INÍCIO DA QUARENTENA TOMOU AS PROVIDÊNCIAS NECESSÁRIAS!!!!



- Em Acopiara o Mercantil Albuquerque, tomou ás devidas providências desde o início, atendendo de dois em dois, fila de 1 metro de distância, álcool gel na recepção, e funcionários com máscaras. 
Em tempos de isolamento e quarentena, o cotidiano de Juazeiro do Norte proporciona cenas curiosas. Integrantes do grupo de risco, nem sempre os idosos podem permanecer em casa todo o tempo, e mesmo expostos ao perigo de contrair o coronavírus, vão ao centro comercial para resolver pendências.
O fotógrafo Normando Sóracles flagrou, na manhã desta sexta-feira (27), uma senhora de 66 anos aproveitando a sombra de um poste. Ela estava sentada em uma cadeira amarrada a um poste, que pertence a um mototaxista. Ela aguardava a hora de ser atendida em uma farmácia popular, na rua São Pedro, cruzamento com a rua Pio X.
Idosos e diabéticos fazem parte do grupo de risco, com taxa de letalidade alta ao redor do mundo. A Covid-19, no entanto, atinge também jovens e crianças. Ao redor do país, diversas atitudes de empatia ficaram conhecidas. Em condomínios, por exemplo, pessoas pregaram avisos de que estariam dispostas a ir até o mercado para garantir que idosos ficassem em casa.

ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO AO VIVO

Inicia sessão para votação de matérias que visam combater coronavírus

Sexta sessão extraordinária do sistema de deliberação remota
A Assembleia Legislativa acaba de instalar, nesta sexta-feira (27/03), a sexta sessão extraordinária do Sistema de Deliberação Remota (SDR), para votação de três projetos do Executivo que visam combater o coronavírus. Participam 42 deputados.
Foram lidos e serão colocados em votação três projetos. O de n° 11/20, que altera a Lei n.º 15.812, de 20 de julho de 2015, dispõe acerca do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCD), com a finalidade de desonerar as doações de quaisquer bens ou direitos destinados ao combate à pandemia.
O de n°12/20 dispõe sobre o procedimento excepcional de contratação pública, no período de emergência estadual em saúde, para a aquisição de bens e insumos imprescindíveis ao combate ao coronavírus e seu controle.
Já o projeto de lei complementar de n°01/20 acrescenta dispositivos à Lei Complementar n.º 119, de 28 de dezembro de 2012, que visa à simplificação dos processos de celebração de parcerias e financiamentos de projetos culturais.
Após a leitura dos projetos, as matérias serão analisadas pelas comissões técnicas da Casa. Se aprovadas, serão encaminhadas para votação em plenário.
GM/AT

Governo fixa medidas para garantir a segurança alimentar da população

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento editou portaria, publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (27), A portaria que trata de medidas essenciais para garantir o pleno funcionamento das cadeias produtivas de alimentos e bebidas, assegurando o abastecimento e a segurança alimentar da população, durante o estado de calamidade pública decorrente da pandemia do novo coronavírus (covid-19).
Sessenta pessoas participaram do mutirão da colheita de arroz, na comunidade do quilombo Morro Seco.
As medidas foram definidas conforme o Decreto n.º 10.282/2020.
De acordo com o decreto, as atividades essenciais são aquelas “indispensáveis ao atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade, assim considerados aqueles que, se não atendidos, colocam em perigo a sobrevivência, a saúde ou a segurança da população”.
O documento estabelece, entre outras medidas, a manutenção do transporte coletivo ou individual de funcionários dos setores produtivos de alimentos e bebidas, que deverá ser realizado por empresas de transporte público ou privado; o transporte e entrega de cargas em geral; produção, distribuição e comercialização de combustíveis e derivados, e o funcionamento das oficinas mecânicas e borracharias, para o suporte de transporte de carga de serviços essenciais nas estradas e rodovias.
*(Com informações da Agência Brasil)

Deputado Delegado Cavalcante promove carreata pelo fim do isolamento social



"Delegado Cavalcante, na contramão"
O deputado estadual Delegado Cavalcante (PSL) promove no domingo (29) carreata pelo fim do isolamento.
Ele e seus assessores deram o nome da ação de “bora trabalhar”. O movimento endossa o pedido do presidente Jair Bolsonaro pelo fim da quarentena.
Nas redes sociais, já estão dizendo que a família de qualquer vítima de coronavírus pode processar Delegado Cavalcante.
CN7

Prefeito no Piauí morre com suspeita de coronavírus



O prefeito de São José do Divino, Antônio Nonato Lima Gomes, conhecido como Antonio Felicia (PT), 57 anos, e diabético, morreu na madrugada desta sexta-feira, 27, no pronto-socorro do município de Piracuruca com diagnóstico clínico de Covid-19, aguardando resultado de exames para confirmar ou descartar a doença.
O atendimento e o diagnóstico foram feitos pelo prefeito de Piracuruca, Raimundo Alves (PSD), que é médico. O material para análise de laboratório foi recolhido e os procedimentos para o imediato sepultamentos já foram tomados.
Antônio Felicio comunicou ao gestor de Piracuruca, município próximo a São José do Divino, na quarta-feira, 25, que estava com febre e dificuldades para respirar, sintomas semelhantes aos provocados pelo novo coronavírus.
Raimundo Alves recomendou buscar imediato atendimento em Teresina. Antônio Felicio não seguiu a orientação. A situação se agravou e o prefeito de São José do Divino recorreu ao Pronto-Socorro de Piracuruca e recebeu primeiro atendimento do médico Antônio Said. Na madrugada de hoje, 27, Antônio Felicio não resistiu e morreu com diagnóstico clínico de covid-19, com base nos sintomas apresentados.
“Quando foi hoje, às 2h ele deu entrada no posto de saúde de Piracuruca, o médico de plantão me ligou e ele já chegou com dispnéia, com falta de ar intensa. O médico tentou fazer a intubação mas não conseguiu. Logo depois ele já veio a óbito”, explicou o prefeito de Piracuruca.
Por conta da febre e do problema respiratório, a morte de Antônio Felícia passa a ser investigada como suspeita de Covid-19. Até então, as cidades de Piracuruca e São José do Divino não possuíam casos notificados nem suspeitos.
“Como médico, com esses sinais, com esses sinais clínicos, ele passa a ser um caso suspeito”, reforçou Raimundo Alves.
Foi coletado material do corpo do prefeito. As amostras foram encaminhados para o Laboratório Central (Lacen).
Familiares e amigos do prefeito receberam a recomendação de ficarem isolados por 14 dias.
portalnotícias

Saiba como está o avanço do coronavírus no Brasil


São Paulo - Uso de máscaras por passageiros na estação Pinheiros.

Brasil tem 77 mortes e 2.915 casos confirmados de coronavírus.

Ontem, (26) completou um mês do primeiro caso confirmado do novo coronavírus (covid-19) no Brasil. Durante este período a pandemia produziu 77 mortes, conforme atualização do Ministério da Saúde divulgada ontem (26). A taxa de letalidade é de 2,7%.
Ontem, as mortes já haviam se expandido para além de São Paulo e do Rio de Janeiro, com falecimentos em Pernambuco, no Rio Grande do Sul e no Amazonas.
O secretário de Vigilância em Saúde, Luiz Henrique Mandetta, retificou o número de mortes no país. No relatório constava 78 óbitos, com um caso no Distrito Federal. Mas o secretário afirmou que o registro foi feito por engano e que DF não tem morte por covid-19. 
Considerando um mês após o primeiro infectado, o Brasil fica atrás da China (213 mortes e 9.802 casos) mas à frente da Itália (29 mortes e 1.694 casos).
O secretário executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, afirmou que a comparação entre Brasil e Itália deve ser ponderada por uma série de aspectos, como pelo fato dos países terem faixas etárias diferentes (a Itália com mais idosos) e pelo Brasil ter mais leitos de Unidade de Tratamento Intensiva (UTI) do que aquele país.
“O fato de termos mais casos não significa nada. Nós começamos de forma mais lenta, mas em compensação a Itália teve crescimento abrupto, que esperamos que nós não tenhamos. Pode ser que daqui a uma semana, nossa situação seja muito melhor que a Itália. Temos uma expectativa que nós não vamos ter número de óbitos proporcional que Itália está tendo. Precisamos esperar mais algumas semanas”, respondeu.
O total de casos confirmados saiu de 2.433 ontem para 2.915 casos. O resultado de hoje marcou um aumento de 54% nos casos em relação ao início da semana, quando foram contabilizadas 1.891 pessoas infectadas.
Do total de mortes, 58 foram em São Paulo, nove no Rio de Janeiro, três no Ceará, três em Pernambuco, uma no Amazonas, uma no Rio Grande do Sul, uma em Santa Catarina e uma em Goiás. 
Como local de maior circulação do novo coronavírus no país, São Paulo também lidera o número de pessoas infectadas, com 1052 casos confirmados. Em seguida vêm Rio de Janeiro (421), Ceará (235), Distrito Federal (200), Rio Grande do Sul (158) e Minas Gerais (153).
Também registram casos confirmados Santa Catarina (122), Bahia (104), Paraná (102), Amazonas (67), Pernambuco (48), Espírito Santo (39), Goiás (39), Mato Grosso do Sul (25), Acre (24), Rio Grande do Norte (19), Sergipe (16), Pará (13), Alagoas (11), Mato Groso (11), Maranhão (10), Piauí (nove), Roraima (oito), Tocantins (sete), Rondônia (cinco), Paraíba (cinco) e Amapá (dois).
Veja na íntegra: 

Câmara aprova auxílio de R$ 600 por mês para trabalhador informal


Ordem do dia para deliberação de vetos. Presidente da Câmara dos Deputados, dep. Rodrigo Maia (DEM - RJ)

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (26) auxílio emergencial por três meses, no valor de R$ 600,00, destinados aos trabalhadores autônomos, informais e sem renda fixa durante a crise provocada pela pandemia de coronavírus. A matéria segue para análise do Senado. 
Pelo texto do relator, deputado Marcelo Aro (PP-MG), o auxílio pode chegar a R$ 1.200 por família. O valor final, superior aos R$ 200 anunciados pelo Executivo no início da crise em virtude da pandemia, foi possível após articulação de parlamentares com membros do governo federal. O projeto prevê ainda que a mãe provedora de família “uniparental” receba duas cotas. 
Os trabalhadores deverão cumprir alguns critérios, em conjunto, para ter direito ao auxílio:
- ser maior de 18 anos de idade;
- não ter emprego formal;
- não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família;
- renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total (tudo o que a família recebe) de até três salários mínimos (R$ 3.135,00); e
- não ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70.
Pelo texto, o beneficiário deverá ainda cumprir uma dessas condições:
- exercer atividade na condição de microempreendedor individual (MEI);
- ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS);

ACOPIARA > CE > CHOVE 60 mm NA TERRA DO LAVRADOR



- Informamos, que em Acopiara, distante 365 Km da capital cearense, das 22:00 horas aproximadamente, até as 7 horas da manhã, choveu 60 mm. O reservatório Dr. Tibúrcio Soares, já passou da "marca velha".
10 maiores chuvas por posto no dia:
(127 postos com chuva de 186 informados)
Cariús (Posto: Sao Sebastiao) : 87.0 mm
Piquet Carneiro (Posto: Ibicua) : 80.0 mm
Piquet Carneiro (Posto: Acude Sao Jose Ii) : 68.0 mm
Umari (Posto: Umari) : 66.0 mm
Lavras Da Mangabeira (Posto: Arrojado) : 52.0 mm
Lavras Da Mangabeira (Posto: Amaniutuba) : 47.0 mm
Mombaça (Posto: Mombaca) : 45.0 mm
Mombaça (Posto: Fazenda Iemem) : 44.0 mm
Caririaçu (Posto: Caririacu) : 44.0 mm mm
Potiretama (Posto: Canindezinho) : 43.0
- Acopiara - 60 mm
w

Papa Francisco concede hoje bênção especial "Urbi et Orbi"


Papa participa da Jornada Mundial da Juventude na Cracóvia (Lusa)

27/03/2020 > Sexta-Feira
O papa Francisco concederá hoje (27), às 18h (horário da Itália, 14h no horário de Brasília) a bênção extraordinária de "Urbi et Orbi", normalmente concedida apenas no Natal e na Páscoa. Ele fez o anúncio, esta semana, em sua oração semanal do Angelus, que vem conduzindo de dentro do Vaticano pela internet e pela televisão, em vez de fazê-la diante das multidões na Praça de São Pedro.
Sua decisão de abrir uma exceção e dar uma bênção especial "Urbi et Orbi" (para a cidade e o mundo) reforça a gravidade da situação global, principalmente na Itália, um dos países mais atingidos pelo surto do novo coronavírus.
O papa disse que nesta sexta-feira (27) concederá a bênção extraordinária diante de uma Praça de São Pedro vazia. O local, parte do Vaticano, foi fechado como parte de um bloqueio na Itália para tentar conter a propagação do vírus.
Os católicos que recebem a bênção, pessoalmente ou por meio das mídias, podem, sob certas condições, receber uma indulgência especial. Uma indulgência é a remissão da punição pelos pecados.
A oração e bênção 'Urbi et Orbi', que será feita pelo papa na emergência do coronavírus,vai ser transmitida ao vivo pelos canais de notícias do Vaticano. 
Com informações da agência de notícias do Vaticano

AL/CE > PRESIDENTE DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA JOSÉ SARTO CONVOCA SESSÃO DELIBERATIVA REMOTA PARA AMANHÃ DIA 27!!EM PAUTA PROJETOS DE ENFRENTAMENTO AO CORONAVÍRUS!!!

Convoquei para amanhã dia (27) sessão deliberativa remota da Assembleia Legislativa do Ceará. Em pauta, três projetos do Governo com medidas de enfrentamento ao coronavírus. A votação acontecerá por videoconferência e será transmitida ao vivo nas emissoras de TV e Rádio, site e redes sociais da Casa

Rodrigo Maia insiste em reduzir salarios dos servidores públicos para repassar aos doentes e pobres durante a crise



"Eles têm estabilidade e ganham dez vezes mais que na iniciativa privada", disse o presidente da Câmara, se referindo aos altos salários dos servidores públicos, citando, inclusive, deputados e servidores da Câmara Federal. "Juízes, procuradores e quem ganha acima de R$ 10 mil por mês podem contribuir, são salários que ninguém mexe" disse Maia. 
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia , está convencido de que só entre os servidores da União, podem ser transferidos cerca de R$ 20 a 30 bilhões. "Os servidores de altos salários recebem R$ 200 bilhões", explicou.

Açude Orós aumenta 6 m e 40 cm, o nível aumentou 17 cm em 24 horas. Como está o açude Truçu e as maiores chuvas de ontem para hoje quinta-feira (26/03).

- Josemberg Vieira - Portal Orós - www.carlosdehon.com - Redação

Deputados destacam eficácia do isolamento social para conter Covid-19


"DIMINUIÇÃO DO COVID-19 NO CEARÁ"
Deputados destacam eficácia do isolamento social para conter Covid-19
Estudo divulgado pelo Instituto Ampla Pesquisa demonstra uma redução na contaminação pelo Covid-19 no Ceará. Os números apontam que a diminuição está associada a medidas de isolamento social determinadas pelo Governo do Estado, e reforçam a eficácia na prevenção da saúde da população do Ceará. Parlamentares cearenses avaliam os dados e destacam a importância da medida para conter a disseminação da doença.
A pesquisa, publicada na quarta-feira (25/03), que tem base em dados secundários da evolução do novo coronavírus divulgados pelo Governo do Estado, mostra que, apesar do crescimento recente de casos no Estado, a velocidade de disseminação da doença já apresentou queda após a adoção das medidas.
O presidente da Casa, deputado José Sarto (PDT), alertou que a Organização Mundial de Saúde (OMS) determinou o isolamento social de maneira importante, buscando evitar maior propagação do Covid-19. “Chefes de Estado e presidentes estão colaborando e trabalhando nesse sentido. Aqui no Ceará, o governador Camilo Santana estabeleceu de maneira prudente o isolamento social para garantir a integridade e saúde das pessoas. Peço que os cidadãos colaborem com o Governo, fiquem em casa e cuidem dos seus familiares”, disse.
A deputada Fernanda Pessoa (PSDB) comemorou a regressão da disseminação da doença, destacando que a medida de isolamento, como sugere o Governo do Estado, é de grande relevância já que evita a propagação do vírus. A parlamentar também faz sugestões para dar suporte ao sistema de saúde e acolher mais pessoas, como a utilização do Centro de Eventos e o Centro Olímpico como unidades de atendimento aos doentes.
Na avaliação do deputado Renato Roseno (Psol), o isolamento social é a única medida efetiva para diminuir a curva epidêmica. Para ele, isso é muito importante, pois ao reduzir a velocidade de contaminação, diminuirá a superlotação do sistema de Saúde. O parlamentar salientou, entretanto, que não basta só pedir para a população não sair de casa. “Precisamos garantir uma renda mínima universal para todos os que não têm vínculo empregatício, que são 54% da força de trabalho no Ceará. Por isso queremos garantir um benefício de renda para estes em nosso projeto de lei 064/2020".
O deputado Marcos Sobreira (PDT) enfatizou que as medidas de distanciamento social impostas pelo Governo do Estado são, inclusive, recomendadas pelos médicos infectologistas e Organização Mundial da Saúde (OMS). “A pesquisa nos mostra que são medidas corretas, que surtem resultados. A economia vai regredir, mas, é preciso pensar em salvar vidas agora. Economia, nós recuperamos, a vidas dos cidadãos nesse momento é mais importante”, destacou.
O deputado Fernando Hugo (PP) considera que as medidas tomadas pelo Governo do Estado foram assertivas para evitar a rápida propagação do Covid-19. “Com muitas pessoas contaminadas, o Sistema de Saúde não consegue dar conta de atender a todos”, assinalou.
O parlamentar observou também que o Governo Federal precisa desenvolver políticas públicas que atendam a população mais carente e que minimizem as demissões. “A economia vai sofrer e, portanto, é preciso investir em assistencialismo social. O que não podemos é ir contra a recomendação dos especialistas porque os efeitos são catastróficos”, acrescenta.
O diretor do Instituto Ampla Pesquisa, Agliberto Ribeiro, ressalta que o resultado do estudo qualifica a atitude de Camilo Santana. Conforme assinalou observa que desde que o governador determinou a quarentena à população, no dia 20 de março, a curva de evolução da doença vem diminuindo, ainda que a de crescimento acumulativo de casos confirmados continue crescendo. “Os números de casos vão aumentar, não podemos fazer nada quanto a isso, até porque muitas pessoas já estão contaminadas sem saber”, alerta.
A estratégia utilizada para verificar esses dados, conforme Agliberto, foi pegar uma base sólida de dados sobre o Covid-19, como a do Ministério da Saúde, e comparar a evolução do número de casos de cada dia em relação ao anterior. A informação divulgada pelo Governo do Estado de que esta semana, que começou em 23 de março, seria fundamental para o alastramento ou contenção da infecção, cujo pico seria em abril, colaborou para a diminuição desses números.
Em 20 de março, dia em que o governador determinou quarentena no Estado, o número de casos confirmados foi 283,33% maior do que o de 19 de março. Já em 22 de março, o número era apenas 148,81% maior do que no dia anterior, reduzindo para 131,2% e 112,8%, nos dias posteriores.
PE/GM/AT/CG

Departamento de Saúde da AL alerta sobre cuidado nas compras de supermercado


Departamento de Saúde da AL alerta sobre cuidado nas compras de supermercado

Apesar da compra online ser mais indicada neste momento, quem prefere ir ao supermercado nesses tempos de coronavírus, necessita redobrar os cuidados para evitar a contaminação. A nutricionista do Departamento de Saúde e Assistência Social da Assembleia Legislativa (Dsas), Gisele Pacheco, afirma que não há indícios de transmissão de coronavírus por alimentos, mas que é preciso uma higienização correta.
“Uma dúvida recorrente é se o novo coronavírus pode ser transmitido através dos alimentos. A autoridade europeia de segurança dos alimentos, quando avaliou esse risco em outras epidemias causadas por vírus da mesma família, descartou essa hipótese”, esclarece. Conforme explica, a dinâmica dessa pandemia mostra que a transmissão tem ocorrido pelo contato próximo com um indivíduo infectado ou pelo contágio indireto por meio de superfícies ou objetos contaminados. “Por isso, é preciso ter atenção ao sair de casa”, reforça.
Conforme a nutricionista, o grupo de vírus é sensível às temperaturas normais utilizadas para o cozimento dos alimentos, em torno de 70 graus, mas alguns cuidados na higienização dos itens são fundamentais. “Ao chegar com as compras, você deve higienizar todos os produtos. A dica é usar água sanitária, lavar em água corrente, deixar de molho em uma bacia na média de 15 a 30 minutos. A medida é diluir uma colher de copo de água sanitária para um litro de água. Para produtos em caixa e enlatados, o conselho é umedecer um pano limpo com água sanitária para uma correta limpeza’’, aconselha.
A preparação dos alimentos também exige atenção, segundo a nutricionista. É preciso lavar bem as mãos, usar bastante água corrente, manter as unhas curtas para evitar acúmulo de sujeira e microrganismos. A recomendação deve ser seguida não apenas em meio à pandemia, mas regularmente.
Os sintomas da Covid-19 são semelhantes à de uma gripe comum: tosse, febre, coriza, congestão nasal e dor de cabeça. Em caso de gripe ou resfriado, a alimentação é uma grande aliada conforme explica a nutricionista Gisele Pacheco. “Precisamos reforçar nosso organismo para ficar com a saúde em dia. Alguns alimentos fortalecem nosso sistema imunológico: gengibre, brócolis, alecrim, orégano e cúrcuma têm um efeito antiinflamatório natural, sendo utilizados em sucos ou em preparações sólidas. Não podemos esquecer as frutas ricas em vitamina c como laranja, limão, abacaxi, kiwi. Alho e cebola roxa têm uma ação antiviral, enquanto hidratação também é fundamental”, aponta.
Para Gisele Pacheco, outro item indispensável ao ir as compras é a solidariedade. “É preciso também pensar no próximo e comprar o indispensável’’, aconselha.
Da Redação/Com Comunicação Intern

ACOPIARA > CE > IMAGENS AÉREAS DA BARRAGEM DR. TIBÚRCIO SOARES!!!!ATUALIZADAS!!!

26/03/2020 > QUINTA-FEIRA

Imagens aéreas de nossa barragem!!
Reservatório Dr. Tibúrcio Valeriano Diniz!

ACOPIARA > CE > HOJE COMEÇOU A VACINAÇÃO CONTRA O INFLUENZA NA TERRA DO LAVRADOR > POUCAS PESSOAS NO PSF RODOVIÁRIA >

ImageImage
Fui ao posto do PSF da Rodoviária agora há pouco, e não tem aglomeração!!! O acopiarense que pertence ao PSF, tem por obrigação se vacinar, aproveitar o horário, e faça sua parte. Vacine-se. 

ACOPIARA > CE > INFORMATIVO MERCANTIL ALBUQUERQUE > 3 DIAS DE OFERTAS IMBATÍVEIS >

ImageImage
* ATENÇÃO > ESSES PREÇOS SÓ SÃO VÁLIDOS PARA O ATACADO *

Bairros de Fortaleza ainda ignoram isolamento social contra Covid-19



A Covid-19 ameaça a integridade clínica de ricos e pobres. O coronavírus, vetor da doença pandêmica, não segrega classes econômicas. Dessa forma, qualquer pessoa que descumpra a etiqueta de prevenção pode ser contaminada. Em algumas áreas de Fortaleza e Região Metropolitana, contudo, o isolamento social ainda não alcançou todos os moradores. O vai e vem de pedestres, as conversas aglomeradas nas calçadas e as brincadeiras na rua persistem.
No Montese, em plena luz do dia, uma praça do bairro reunia sete homens adultos, uns em pé e outros sentados nos bancos construídos debaixo de árvores. A recomendação de contato físico a pelo menos um metro de distância sequer foi cumprida. Em outro ponto, quando o céu já estava escuro, duas casas em uma vila estavam com portões abertos e cadeiras nas calçadas. Uma idosa participava da conversa lado a lado com os demais vizinhos.

Ceará terá, em duas semanas, maior taxa do Brasil dos leitos de UTI ocupados, afirma Abin



Segundo projeção realizada pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin), em apenas duas semanas, os casos graves de infecção por coronavírus no Ceará demandarão 46,3% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da região. O estudo, divulgado pelo site The Intercept Brasil, tem como base a curva da epidemia no Brasil, caso seja semelhante à de Irã, Itália e China.
A Abin avalia que dos 18.510 leitos do Estado, 1.799 (9,72%) estarão ocupados por doentes com casos graves de covid-19. Segundo a projeção, das 1.944 UTIs presentes no Ceará, em duas semanas, 900 (46,3%) estarão sendo utilizadas. No entanto, a projeção ainda não contabilizou as 600 UTIs adquiridas pelo governador Camilo Santana no dia 18 de março.
Caso o fenômeno venha a acontecer, o Ceará será o primeiro lugar do País com a maior taxa proporcional de ocupação em decorrência da doença, seguido do Distrito Federal (44,5%), Santa Catarina (30,6%) e Acre (30,4%). No Brasil, o estudo revela que 10.385 leitos ( 17,4%) – dos quase 60 mil disponíveis – estarão ocupados por doentes com casos graves.
A Secretária de Saúde do Ceará (Sesa) foi procurada para comentar sobre a projeção, mas até o momento não retornou.
Nesta quarta, 25, chegou a 211 o número de casos confirmados no Ceará do novo coronavírus, Covid-19. Foram 26 casos a mais em comparação com o dia anterior, conforme os números da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa). Todos os casos confirmados entre terça e quarta-feira foram de pessoas que moram em Fortaleza. Não há óbitos registrados no Ceará.
A Capital concentra atualmente 196 casos, 92,9% do total do Estado. Os demais casos se distribuem por outros cinco municípios. Seis deles são de moradores de Aquiraz. Quatro são de Sobral. Há ainda doente um morador de Fortim, um de Juazeiro do Norte e um de Mauriti - o prefeito do Município. Há também casos no Ceará de residentes de São Paulo e Uberlândia (MG) - um cada.
Fonte: O Povo

Juazeiro do Norte registra maior chuva do Ceará nas últimas 24 horas



Cerca de 87 municípios cearenses registraram chuva entre às 7h de quarta (25) e às 7h de quinta-feira (26). Destes, 16 são da região do Cariri. O destaque da vez foi Juazeiro do Norte, o município registrou a maior chuva do Estado, com 133 milímetros (mm).
Além de Juazeiro do Norte, Jardim, Barbalha, Jati, Crato, Santana do Cariri e Barro também registraram chuva superior a 40 mm na região. Confira os índices divulgados até o momento pela Funceme:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...