Centrão quer mais emendas em troca de apoio na PEC dos Precatórios

Em troca de apoio na votação da PEC dos Precatórios , deputados pedem mais emendas parlamentares, informa a Folha de São Paulo. Uma força-tarefa mobilizada pelo governo tenta fazer a proposta avançar no Congresso nesta semana e viabilizar o quanto antes do Auxílio Brasil de R$ 400 , que substitui o Bolsa Família.

Um levantamento realizado pela CNN Brasil mostrou que os gastos com emendas parlamentares devem ser de R$ 34 milhões em 2022 - o que representa um aumento de 271% desde 2016 , quando as emendas se tornaram obrigatórias. O valor é o mesmo da verba destinada ao Bolsa Família em 2021.

Na reta final das negociações, líderes ainda veem dificuldades para angariar o apoio necessário à aprovação do projeto, que precisa do aval de 308 deputados para passar. Um dos principais entusiastas da PEC, o presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), receberá aliados à tarde para coordenar as articulações e tentar fechar um acordo de última hora.

O projeto foi posto em pauta três vezes seguidas, mas por falta de consenso foi adiado. Integrantes da base do governo não dão como descartada a hipótese de a PEC ser rejeitada.
O que são emendas parlamentares?

Todos os anos, o governo elabora o Projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA), que define como o dinheiro público será gasto no ano seguinte. As emendas parlamentares são uma espécie de instrumento que o Congresso Nacional possui para participar dessa elaboração.

(*) IG
www.carlosdehon.com

Related Post

Centrão quer mais emendas em troca de apoio na PEC dos Precatórios BLOG DO CARLOS DEHON Rating: 5 quarta-feira, 3 de novembro de 2021

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...